Razões para aproveitar o prazer da leitura

À escrivaninha. 31º C lá fora. Céu limpo, com um azul deslumbrante, salpicado de nuvens cor de algodão. Para alguns, o calor é insuportável,  mas eu amo dias assim. Ontem, realizamos o último Clube do Livro do ano. Foram 8 meses de encontros e 18 livros lidos! Presenteamo-nos, brindamos e celebramos! Emocionei-me com tanto carinho … Ler mais

Como foi passar dezembro na pandemia

À escrivaninha. 31°C lá fora. Céu encoberto com nuvens e muito calor, com sensação térmica de35°. Verão está anunciando sua breve chegada. Embora o Natal esteja chegando, ainda estou preocupada com os efeitos da Covid-19 em nossas vidas. A epidemia nos deixa meio melancólicas e na expectativa de que algo aconteça. Enquanto a vacina não … Ler mais

Sentir gratidão não nos torna uma pessoa grata

À escrivaninha. 25ºC lá fora. Céu encoberto, ventinho gelado. Chuviscos ocasionais nesta primavera carioca. Já estou com meias nos pés… Na Newsletter que assino, hoje,  Ryder Carroll reflete sobre a gratidão e como se tornar grato. E que existe uma diferença entre sentir gratidão e ser uma pessoa grata. A maioria das pessoas não são … Ler mais

Por que estou vendo a vida passar

À escrivaninha.  28 º lá fora. O céu permanece nublado, esbranquiçado. Parou de chover. O sol primaveril apareceu, sobre o céu encoberto. No grupo de mulheres de que participo, discutíamos sobre envelhecimento saudável. Uma amiga querida citou-me como um exemplo de envelhecer com ternura e naturalidade. Refleti sobre isto e constatei que não tenho problemas típicos … Ler mais

Razões para caminhar, faça chuva ou faça sol

À escrivaninha. 28° lá fora. Céu enevoado e esbranquiçado. Uma brisa leve deliciosa levanta as cortinas. Nas últimas semanas, a chuva tem saudado as noites e as manhãs. Não tenho me levantado e saído para caminhar. Perdi as caminhadas das manhãs de segunda, como eu havia me disposto a fazer. Houve alguns dias em que não … Ler mais

Como manter a primavera na varanda

À escrivaninha. 23°C lá fora. Céu azul, encoberto por nuvens carregadas. Tivemos uma primavera diferente, até agora, com muita chuva e muitos dias de sol.  Minhas plantas, na varanda do apartamento, estão com um bom aspecto. Até a planta que eu julgava nas últimas, está renascendo. É muito agradável observar os milagres da mãe natureza. … Ler mais

Como me tornei uma velhinha

À escrivaninha. 29°C lá fora. Céu azul, com um aspecto nublado. Calor o dia todo, e, agora, no fim da tarde, um solzinho tímido se arrisca a aparecer. Esta semana, oficialmente, tornei-me uma velhinha. Aos olhos dos outros, penso eu. Percebi, atônita, em vários episódios, nos últimos dias, que sou vista como uma velhinha. Notei … Ler mais

Você deve colocar a máscara de oxigênio primeiro

À escrivaninha, 35°C lá fora. Céu azul limpíssimo, porém nublado. Parece verão, mas estamos na primavera. Um hábito fundamental para preservar nossa saúde mental é semelhante ao que ouvimos nas companhias aéreas: ” Coloque sua própria máscara de oxigênio, antes de ajudar outras pessoas”. Uma das coisas importantes sobre o envelhecimento é sabermos quando colocar … Ler mais

Como criar novos hábitos na pandemia

À escrivaninha. 19ºC, lá fora, e muita chuva. Inverno se foi, com o calor, e primavera chegou, com frio e chuva. O clima endoidou. Durante o distanciamento social, afastei-me, deliberadamente das atividades presenciais, a ponto de não sair de casa para absolutamente nada. Ao reorientar minhas atividades diárias, acrescentei coisas novas para preencher o tempo … Ler mais