Amanhã você continua de onde parou

À escrivaninha. 23°C lá fora. Céu azulíssimo! Dia iluminado de outono. As manhãs têm sido frescas e as noites, frias. Os dias ainda continuam ensolarados. Hoje não ouvi os bem-te-vis… A vida está voltando a algum tipo de normalidade, seja lá o que isso signifique, e as atividades aumentam à medida que retornamos ao mundo. … Ler mais

Sem impetuosidade e paixão o tempo todo

À escrivaninha. 24°C lá fora. O céu nublado anuncia um sábado chuvoso. Tempestade à vista, prevê a meteorologia. Tem sido assim, em meu coração, nos últimos dias. O modo como a vida se desenrola, atualmente, provoca uma oscilação no corpo e na mente. Há dias em que acordo, vejo a casa desarrumada e penso: “que … Ler mais

O que estamos fazendo de nossa vida

À escrivaninha. 28°C lá fora. Manhã abafada, com céu nublado e um mormaço estranho. Verão no Rio caminhando para o fim. O distanciamento social, nesta pandemia de Covid-19, não me livrou de sintomas – leves, sim, mas persistentes, Sinto-me grata e aliviada, por estar em casa, sem febre e sem complicações. Viva o SUS e … Ler mais

Colocar-me no topo de minha lista

À escrivaninha. 26°C lá fora. Céu nublado e triste. Primavera em clima de melancolia. Estou aposentada e com mais tempo em casa, devido à pandemia. Entretanto, em alguns dias, ainda sinto que não há horas suficientes para tudo que quero fazer. Eu sou uma pessoa que planeja. Mesmo na aposentadoria, preciso ter listas e agendas. … Ler mais

Como as águas de um rio através das pedras

À escrivaninha. 25ºC lá fora! O sol brilha lindamente. É inverno, naturalmente, frio e úmido, mas, aqui, no Rio, não estamos habituados a temperaturas tão baixas, como as das últimas semanas. Então, quero apreciar este dia ensolarado com alegria e gratidão. Pergunto-me, dia após dia, se a pandemia acabará em algum momento. Tenho a impressão … Ler mais